Sustentabilidade. Ouvimos muito essa palavra, normalmente relacionado ao meio ambiente, mas o desenvolvimento sustentável está muito além disso, pois está em todos os âmbitos da nossa vida, como o político,  social, ambiental e econômico.

Mas o que é o desenvolvimento sustentável?

O desenvolvimento sustentável, em qualquer âmbito, remete a ideia de continuidade, cujos processos não esgotam os recursos existentes. Quando falamos em sustentabilidade ambiental, nos preocupamos em poupar o meio ambiente de um desenvolvimento louco e desenfreado, sem pensar no amanhã. É importante que os processos sejam feitos de forma racional, inteligente e pelo coletivo. Podemos partir no princípio que estamos cuidando para que as próximas gerações também possam aproveitar os recursos do Planeta Terra. Veja aqui um artigo da Ong WWF sobre isso.

Como ser sustentável?

Para que você possa se desenvolver de forma a contribuir com o desenvolvimento sustentável e levar boas práticas para seu dia a dia, separamos algumas sugestões:

Mudanças de hábitos

Alguns de nossos hábitos são considerados não sustentáveis, pois desperdiça recursos em todas as etapas da produção. O simples fato de uma pessoa diminuir o consumo de carnes e procurar se alimentar preferencialmente de orgânicos, reciclar o lixo e outras pequenas mudanças, já contribui e faz sua parte para que a mudança aconteça.

A sugestão é que você analise e mude os hábitos que considerar incoerentes com seu ideal de sustentabilidade, mas não se desespere se não conseguir fazer tudo de uma hora pra outra. Nesse caso, procure mudar um ou dois hábitos por vez. Lembre-se que tudo é um processo, o importante é a mudança ser autêntica e permanente.

Fácil acesso a informações relevantes

A internet hoje é mais do que uma ferramenta, é um verdadeiro oráculo de qualquer coisa. Na rede, podemos iniciar uma busca de algo novo a qualquer momento. A princípio, a própria Wikipedia, que é uma plataforma colaborativa assim como o Alooga, nos oferece informações suficientes para entender os conceitos básicos sobre qualquer assunto e nos dá insumos para que refinarmos nossa busca, como referências de livros, vídeos e outros sites. No Youtube, há gente falando sobre qualquer coisa. Encontrar informações sobre os primeiros passos pra mudar um hábito ou pra se interar do assunto está a poucos cliques de distância, dependendo apenas da sua vontade.

A indústria é uma das maiores vilãs do desenvolvimento sustentável

Planeje suas compras e saiba quem são seus fornecedores. Dê preferência às empresas locais e/ou com certificado, garantindo a boa procedência do produto. Isso vale para todos os tipos de bem de consumo. Para cada item comprado, há um enorme processo por trás, desde a extração da matéria prima, a produção, a distribuição, a comercialização e, depois, o descarte. A indústria envolve pessoas e animais, processos prejudiciais para o meio ambiente, desperdício de recursos da humanidade e tudo por interesses privados. A partir do momento que nos tornamos conscientes, passamos a ter mais critério no consumo, possibilitando uma sociedade sustentável. Confira infografico.

Poupar recursos é uma obrigação de todos, do pequeno ao grande

É importante que todas as pessoas, empresas e governo otimizem recursos básicos como água, comida e as tecnologias para saúde, segurança, lazer e todos os outros aspectos de nossas vidas. O capitalismo conseguiu transformar a natureza de ciclos infinitos em recursos finitos, gerando a escassez para gerar mais lucro, competitividade e medo da perda. No entanto, sabe-se que a produção hoje de alimentos próprios para seres vivos poderia fornecer alimentação para todos os seres humanos na Terra, além dos animais. É preciso que todos os indivíduos se conscientizem dessa possibilidade e tomem atitudes solidárias. Não há necessidade de abrirmos mãos de nossas coisas, mas há uma urgente necessidade de nos tornarmos conscientes. Uma das formas de contribuir para esse ciclo sustentável é o consumo colaborativo.

Reciclar o lixo começa no descarte

Fazer com que todo o lixo seja descartado com eficiência e de forma seletiva é um pequeno grande passo para a otimização dos nossos recursos. Uma grande parte dos condomínios em grandes cidades já faz isso, mas nem sempre sabemos ou damos o devido valor. É importante corrermos atrás de informações e realmente dedicar algum tempo nosso a isso. Dessa forma, reutilizamos e reciclamos com mais facilidade embalagens e produtos descartados, gerando renda para outras pessoas e menos lixo acumulado.

Seja a mudança que você quer ver no mundo

Se você sabe da importância, mas ainda possui resistências para iniciar uma prática, vá atrás de informações de como fazer os processos e como você pode ajudar sua comunidade. Comportamento individual é importante e, apesar em não parecer, faz toda a diferença. Só podemos mudar nossos próprios hábitos, e, em relação ao que podemos fazer pelas outras pessoas, apenas procurar influenciar positivamente! Por isso, antes de esperar uma mudança abrupta de toda sociedade para começar, dê, você, o primeiro passo.

E você, o que faz pra ser sustentável? Deixe aqui nos comentários o que você acha sobre tudo isso. Se liga e Alooga!